notícias

10 curiosidades sobre a cirurgia plástica

por admin , julho de 2017

Image may contain: 2 people, people smiling

Por Paulo Godoy

A cirurgia plástica é uma ciência que se confunde com a arte e, durante séculos, as culturas continuaram a aperfeiçoá-la. Ao longo do tempo, essa especialidade médica começou a se expandir da variedade puramente reparadora para uma ferramenta de acréscimo e melhoria da autoestima. Assim como qualquer outra invenção, a cirurgia plástica deve suas raízes a uma série de pessoas e eventos que o moldaram no que é hoje. Como um apaixonado pelo assunto, eu separei algumas descobertas divertidas que ajudaram a moldar a cirurgia plástica moderna!

  1. A palavra ‘plástico’ é derivada da palavra grega “plastikos”, que significa moldar. A cirurgia plástica é de fato a moldagem ou remodelação de qualquer área em que sua cirurgia seja alvo, então o nome se encaixa.
  2. 2. No primeiro século, os romanos praticavam todos os tipos de cirurgia plástica reparadora, mesmo que de forma rudimentar. O médico romano Cornelius Celsus até documentou um procedimento que ele realizou, semelhante à redução da mama masculina. Eureka! A primeira cirurgia de ginecomastia.
  3. O avanço da cirurgia plástica parou durante a Idade Média. As pessoas associavam a figura de um cirurgião derramando sangue como algo pecaminoso e pagão.
  4. O cirurgião italiano Gaspare Tagliacozzi é amplamente reconhecido como um dos precursores da cirurgia plástica moderna. Ele desenvolveu uma técnica de reconstrução nasal para tratamento de sequelas deixadas pelas frequentes lutas de rua que ocorriam na Itália de 1500.
  5. No final do século 18, os cirurgiões britânicos estudaram técnicas de cirurgia plástica indiana e trouxeram à  Europa. Essa técnica baseava-se no uso do músculo da testa para reconstrução do nariz e foi descrita pelo indiano Sushruta Samhita seiscentos anos antes de Cristo.
  6. Em 1931, os cirurgiões que serviram na Primeira Guerra Mundial iniciaram a Associação Americana de Cirurgia Plástica para ajudar a reduzir os procedimentos não regulamentados.
  7. Os cirurgiões da Segunda Guerra Mundial deram um passo adiante e começaram a experimentar a substituição de membros inteiros, enxertos de pele e regeneração de tecidos. Sem as descobertas da guerra, a cirurgia plástica não estaria onde está hoje.
  8. Benito Mussolini e Adolf Hitler realmente usaram cirurgia plástica para criar um soldado mais “perfeito”. Eles corrigiram pálpebras caídas e tudo o que faz um soldado aparentar fraco.
  9. Nos anos 60, os implantes mamários de silicone começaram a se tornar populares entre as americanas. Eles receberam a ideia dos cirurgiões japoneses que usaram silicone para preencher as pernas que foram destruídas pela pólio.
  10. Em 2015, mais de 500 mil cirurgias de lipoaspiração foram realizadas em homens e mulheres nos Estados Unidos.

 

Fonte: Diário de S.Paulo

Veja todas as noticias