Archive: novembro, 2012

Era Google: pesquisas em saúde na internet

Imagem

Nos dias de hoje se você tem uma pergunta sem resposta, tudo que você precisa fazer é acessar a internet e pesquisar sobre o assunto. Embora essa seja uma solução útil para saber sobre a metereologia ou comprar um bilhete de avião, parece que mais e mais pessoas estão usando a internet para buscar informações que possam afetar diretamente o seu bem-estar.

De acordo com uma pesquisa recente da Pew Internet Product, muitas pessoas se conectam para fazer pesquisa online sobre saúde. O estudo também analisa quais tipos de indivíduos são mais propensos a ir em busca de informações de saúde. Segundo a pesquisa, apenas cerca de três quartos dos homens e mulheres usam a internet atualmente, porém 86% dos usuários de internet do sexo feminino são mais propensos a fazer pesquisa em saúde, em comparação à 73% dos homens que navegam pela web.

Então, o que essas mulheres estão em busca na internet? Além de pesquisar sintomas e tratamentos, elas também estão investigando vários procedimentos estéticos e usando a web para encontrar médicos ou centros estéticos. Por isso, recursos de pesquisa de cirurgiões plásticos certificados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) ou da Sociedade Americana de Cirurgia Plástica Estética (ASAPS) são muito úteis e importantes nessa triagem. Homens e mulheres que procuram on-line por um médico de confiança devem se certificar-se que estão procurando por médicos que façam parte das respectivas entidades médicas de sua especialidade.

A educação também tem um papel importante sobre a busca de informações de saúde. De acordo com o estudo, 91% dos graduados em faculdades nos EUA vão utilizam pesquisas online, em comparação com apenas 64% daqueles que possuem apenas um diploma do ensino médio.

Dos internautas que se formaram ensino superior cerca de 89% usam a web para fazer pesquisas médicas, enquanto apenas 70 % dos graduados do ensino médio fazem o mesmo. A pesquisa também mostra que as pessoas com maior renda têm mais probabilidade de usar a internet para pesquisa em saúde. 87% dos internautas de alta renda fazem esse tipo de pesquisa, enquanto apenas 72% das famílias de menores rendimentos navegam para procurar informações de saúde.

Usar a internet para fazer pesquisas iniciais em vários procedimentos ou na busca de médicos pode ser um movimento sábio, mas os pacientes devem entender que nem todas as informações encontradas na web são confiáveis. É por isso que é essencial para os interessados em cirurgia plástica marcar uma consulta com um cirurgião plástico da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Os médicos serão capazes de oferecer aos pacientes em potencial todas as informações de que precisam para tomar uma decisão final antes de encarar o bisturi.

 Fonte: ASAPS

Quatro perguntas essenciais para fazer antes de uma Rinoplastia

Imagem

(Foto: Reprodução)

Rinoplastia foi um tópico muito pesquisado esta semana no site RealSelf.com. Já que o assunto está em alta, confira algumas dicas para obter sucesso no seu procedimento.

A Rinoplastia pode não só melhorar a aparência do nariz, mas a harmonia de toda a face. Por esta razão, é uma decisão extremamente importante que deve ser tomada somente após cuidadosa avaliação. As perguntas a seguir são essenciais para você fazer à seu cirurgião e refletir muito sobre o assunto antes de fazer sua rinoplastia.

1. O Doutor é membro especialista da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica?
2. Quais os resultados possíveis para a minha cirurgia?
3. Quais os possíveis riscos deste procedimento?
4. O que posso esperar que ocorra durante o processo de recuperação?

Na hora de procurar um médico para a realização do procedimento o item mais importante é se certificar de que ele é um cirurgião credenciado da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Outro ponto importante é perguntar ao cirurgião se é possível chegar ao resultado que almejado e se as expectativas são realistas. Isso mostrará que você sabe exatamente o que você gostaria de mudar em seu nariz, assim como o que não gostaria. Algumas vezes, devido à anatomia do nariz ou da espessura da pele determinados resultados não são possíveis e é preciso estar ciente disso. O cirurgião deve ainda levar em conta a harmonia da face.

Também é importante perguntar ao médico sobre os possíveis riscos do procedimento. Cada caso é único e pode ter ocorrência de problemas específicos que diferem entre os pacientes. Estar ciente dos riscos é necessário para garantir que você esteja preparado para lidar com eles caso venham a ocorrer.
A rinoplastia pode ser um procedimento extremamente gratificante e de mudança de vida. Mas, para ter mais chances de alcançar o resultado desejado, lembre-se de fazer sua pesquisa e as perguntas certas.

(Fonte: Real Self)

Back to Top