Archive: setembro, 2015

Atenção: Cirurgia Plástica em exagero pode envelhecer você

Está cada vez mais comum recorrer às cirurgias plásticas para “reverter” os efeitos do relógio. As pessoas querem parecer mais jovens, vibrantes e até mesmo permanecerem competitivas profissionalmente em um mercado que considera a aparência importante. Logo, o consultório do cirurgião plástico pode parecer com a fonte da juventude.

 

Mas será que não estamos indo longe de mais? Claramente há quem aproveite em demasia uma coisa que é boa e sofra as consequências: ao invés de parecer uma versões renovadas de si mesmas, rejuvenescidas e descansadas, as pessoas ficam parecendo exatamente o contrário. Pode ser excesso de preenchimento dérmico nos lábios, que deixam a pessoa com cara de peixe, ou aplicação de toxina botulínica em excesso, deixando a aparência de um boneco de cera. Também pode acontecer a remoção de muita gordura, especialmente na face, que pode deixar o rosto da pessoa exageradamente magro e envelhecido.

 

 

“Infelizmente isto tem sido uma tendência comum nos EUA, particularmente nos últimos anos, já que preenchimentos dérmicos mais poderosos e duradouros estão disponíveis, além de que outros procedimentos se tornaram mais desejados e acessíveis”, afirma o cirurgião plástico americano Dr. Brian Glatt.

 

Em geral, “ir longe de mais” é um julgamento estético compartilhado pelo cirurgião plástico e pelo paciente, explica o Dr. Glatt. Preenchimentos dérmicos devem melhorar a aparência de uma pessoa, não mudá-la drasticamente. A diferença deveria ser sutil para o paciente adquirir um visual renovado e vibrante e não ficar com a aparência de quem passou por um procedimento.

 

O cirurgião plástico americano ressalta que é preciso contar com um profissional certificado (no Brasil, pela SBCP) e explica que muitas pessoas parecem que passaram por cirurgias plásticas após o procedimento, o que é exatamente o oposto do que qualquer pessoa deseja.

 

Exageros e Excessos
“Se uma blefaroplastia for feita excessivamente e muito tecido for retirado, a região em volta dos olhos pode ficar com um buraco e deixar com aparência envelhecida. Este é um exemplo comum de como alguém pode aparentar ser mais velho após uma cirurgia plástica”, explica o Dr. Glatt. “Se a toxina botulínica não for aplicada corretamente ou em um paciente selecionado de forma incorreta, as sobrancelhas pode cair e deixar o rosto com um ar cansado e pesado”, completa o Dr. Glatt.

 

Outros cenários possíveis em que exageros e excessos na cirurgia plástica podem ter efeitos contrários aos desejados:

- muito preenchimento dérmico nos lábios pode criar um visual desequilibrado;
- levantar as sobrancelhas muito, que pode tirar a naturalidade do rosto;
- muita toxina botulínica, que deixa a face “congelada”;
- aumentar demais as bochechas, tirando o equilíbrio da face;
- remover gordura em exagero na região do pescoço, bochechas, na região dos olhos, já que o volume facial é um indicador de juventude.

 

Revisões
Então se houver exagero, é possível voltar atrás? No caso da aplicação de toxina botulínica, não, segundo o Dr. Glatt: é preciso esperar o período necessário para que os efeitos da aplicação passem. Os preenchimentos cutâneos podem ser revertidos com o uso de antídotos, especialmente os preenchimentos a base de ácido hialurônico. Se o tipo de cirurgia plástica for mais complexa, a regra geral é esperar ao menos um ano antes de passar pelo procedimento de revisão. Este período permite a total recuperação do corpo e também que os resultados finais da primeira cirurgia apareçam.

 

Com informações do Smart Beauty Guide

Polícia investiga morte de mulher após lipoaspiração no Rio

Fonte: G1 Rio

Mulher de 26 anos fez abdominoplastia e lipoaspiração. Paciente já havia colocado próteses de silicone com o mesmo médico.

 

A polícia investiga a morte de uma jovem depois de uma cirurgia plástica no Rio. Edicléia Gonçalves, de 26 anos, foi operada em uma Clínica de estética na Taquara, na Zona Oeste. A família, que está inconformada, diz que Edicléia era uma jovem vaidosa e mãe de duas crianças, uma de quatro e outra de 10 anos.

 

Mesmo contra a vontade do marido, ela optou por realizar a cirurgia plástica. “Eu sempre fui contra. Só que era um sonho dela. Ela pedia por favor, deixa eu fazer, eu quero muito”, lamentou Thiago, como mostrou o Bom Dia Rio desta terça-feira (8).

 

A cirurgia foi marcada no último dia 26 de agosto, na clínica Esthetic Life, na Taquara. O marido contou que a mulher entrou às 9h sala de cirurgia para realizar dois procedimentos: abdominoplastia — a plástica na barriga — e lipoaspiração. Às 17h, depois de muita angústia, Thiago recebeu a notícia. ”Eu perguntei o que aconteceu. Aí, ele pegou e me falou que ela tinha tido três paradas cardíacas e que devido a lipo teria uma embolia pulmonar”.
Por nota, a Vigilância Sanitária informou que a clínica não tem licença para funcionar. A morte da Edicléia foi registrada na 41ª DP (Tanque), em Jacarepaguá. O médico responsável pela operação Luis Felipe Manhães e a equipe que participou da cirurgia foram ouvidos pelos investigadores.

 

Quatro meses antes, a mulher tinha feito uma cirurgia com o mesmo médico para a implantação de próteses de silicone. O profissional é registrado no Conselho Regional de Medicina como dermatologista e cirurgião-geral. O Cremerj disse que já abriu um processo pra apurar a conduta do médico.

 

“Eu estou afastado 30 dias, estou de licença. Eu estou problema com meu filho, [ele] não vai para a escola, consegue dormir, chama a mãe a noite inteira. A mais velha desmaiou no colégio. Quero uma investigaçaõ para saber o que realmente aconteceu. Não quero fazer acusação, só quero saber o que aconteceu. Eu perdi a mulher da minha vida, a mãe dos meus filhos”, afirmou Thiago.

 

Em nota, a Sociedade Brasileira de Dermatologia do Rio de Janeiro afirmou nesta sexta-feira (11) que o médico Luis Felipe Manhães, responsável pela operação, não é associado da Sociedade Brasileira de Dermatologia e, portanto, não é especializado em dermatologia.

Pós-operatório: mantenha-se saudável após seu procedimento

Só porque sua operação terminou não significa que é hora de parar de cuidar de seu corpo. A forma como você se trata nas semanas imediatamente após o procedimento é essencial para garantir que os resultados e saúde em geral permaneçam positivas.

 

Antes de seu procedimento, certifique-se de realizar muita pesquisa sobre o procedimento e suas recomendações pós-operatórias. Seu cirurgião plástico e sua equipe devem fornecer instruções detalhadas sobre o que você deverá esperar à medida que sua recuperação avançar. Além de manter uma dieta saudável, não se esqueça de manter o seguinte em mente quando estiver se recuperando de sua cirurgia:

 

I

 

Entenda os riscos antes de seu procedimento

Como acontece com qualquer operação, existem riscos envolvidos. Não importa se você está se submetendo a um peeling facial ou a uma abdominoplastia, há várias coisas a considerar antes de seu procedimento. Primeiro, os pacientes só procurar cirurgiões plásticos integrantes da SBCP. Escolher bem o profissional é essencial para o sucesso de seus resultados. Além disso, os pacientes devem realizar uma investigação antes de seu procedimento para compreender plenamente os riscos associados.

 

Preste atenção aos conselhos de seu cirurgião plástico

Há várias boas práticas que os pacientes devem seguir no pós-operatório, mas elas dependem do tipo de cirurgia plástica. Enquanto pode ser possível retornar rotinas diárias um ou dois dias depois de procedimentos minimamente invasivos, cirurgias mais invasivas podem exigir várias semanas de recuperação.

 

Os pacientes devem analisar essas informações a fim de se preparar para a sua recuperação. Por exemplo, dentro das primeiras 48 horas após a operação os pacientes podem esperar inchaços e desconforto. É preciso lembrar que a recuperação varia de pessoa para pessoa, afinal são organismos diferentes. Manter contato constante com o cirurgião plástico também é importante para evitar surpresas e garantir que os eventuais sintomas não são motivo de preocupação.

 

Fonte: Smart Beauty Guide

Foto: Alex E. Proimos via Compfight cc

Próteses mamárias menores: especialistas comentam tendência que já impacta as cirurgias de implante de silicone

A busca pela naturalidade aumentou a procura por próteses menores e até por procedimentos a laser que prometem levantar os seios sem nenhuma intervenção cirúrgica

 

Esqueça os seios fartos à la Pamela Anderson. A tendência da vez pede naturalidade e próteses cada vez menores. Não à toa, até mesmo a musa de “SOS Malibu” se rendeu à nova onda. Segundo pesquisa recente realizada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, de 2014 até os primeiros meses de 2015, o número de intervenções para a troca de um silicone grande por um modelo menor cresceu 15% só no Brasil.

 

“Até mesmo aquelas mulheres que vêm ao consultório para colocar pela primeira vez têm solicitado uma prótese, em média, menor”, confirma o cirurgião plástico João de Moraes Prado Neto, presidente da SBCP. Se antes os modelos de 300ml a 400ml faziam sucesso entre as brasileiras, agora eles dificilmente passam de 270ml.

 

812

 

Mas a tal tendência nada tem a ver com novos padrões de beleza das celebridades. Segundo o cirurgião, as próteses muito grandes, além de já não proporcionarem mais um visual estético satisfatório, “ferem os tecidos da região, provocando um estiramento do revestimento cutâneo”. O resultado é o aparecimento de uma série de estrias irreversíveis e que incomodam muitas mulheres.

 

“Até nos Estados Unidos, onde existe uma alta preferência por próteses maiores, a mudança já começa a aparecer”, conta o dermatologista Dr. Alessandro Alarcão, titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Segundo ele, o peso do silicone associado aos sinais do envelhecimento, como a flacidez, proporciona uma queda inevitável das mamas, por menor que seja. Isso sem contar alguns possíveis problemas de coluna. “Então, algumas pacientes fazem a troca buscando justamente o conforto”, explica o especialista.

 

“Acho que não se trata de escolher uma prótese pequena, mas de fazer uma escolha racional, equilibrada e que harmonize com a estrutura corporal de cada pessoa”, acrescenta o Dr. Prado Neto. “Se ela tem 1,70m de altura, uma prótese de 180ml não vai aparecer, assim como é irracional colocar uma de 400ml. Já um modelo de 260ml ou 280ml me parece razoável para os conceitos atuais.”

 

Apesar desse novo cenário, o especialista garante que o número de cirurgias de prótese de silicone continua crescendo, o que mudou foi mesmo o objetivo final. Por aqui, a intervenção segue na dianteira do ranking de mais pedidas, superando até a lipospiração.

 

EXISTEM SUBSTITUTOS PARA A PRÓTESE?
De acordo com os especialistas, ainda não existe no mercado nada que possa substituir uma prótese de silicone e seus efeitos estéticos. Mas uma novidade que acaba de chegar aos consultórios dermatológicos promete atuar na flacidez e, quem sabe, adiar um pouquinho a decisão pela cirurgia.

 

Batizado de Fotona, o procedimento a laser já adotado por muitas pacientes do Alarcão estimula a produção de colágeno na região das mamas e proporciona uma retração imediata da pele. “Ele chega a levantar os seios cerca de 1,5cm, mesmo no caso de mulheres que já têm prótese”, explica ele. O resultado mais efetivo aparece entre a quinta e oitava sessão, que normalmente é feita em intervalo de 30 a 45 dias.

 

“Algumas mulheres que fizeram gostaram tanto do resultado que acabaram nem fazendo a cirurgia, mas é importante lembrar que o laser não substitui o implante de silicone”, alerta ele. “O casamento dos dois é que proporciona um resultado bastante satisfatório.”

 

Fonte: Marie Claire
Autor: Daniela Carrasco

10 dicas para ter uma noite de sono melhor

Cansado de se sentir como um zumbi no período da manhã? Então este pode ser o momento para fazer algumas mudanças de estilo de vida para dormir mais à noite.

 

Aqui estão 10 dicas de especialistas de saúde e pessoas comuns que têm encontrado o segredo para um sono tranquilo.

 

809

 

1) Desligue os dispositivos eletrônicos, como TV e telefone celular, pelo menos uma hora antes da sua hora de dormir, sugere Heidi Hanna, diretora-executiva da SYNERGY e autora do livro “Stressaholic.”

 

2) Faça mais intervalos durante o dia para recarregar as energias. Assim você não aumenta constantemente os níveis de estresse sem qualquer alívio, explica Hanna. Estas pausas podem incluir a prática de meditação.

 

3) Faça atividades físicas de forma consistente, incluindo 20 minutos de atividade aeróbica intensa todos os dias, acrescentou Hana. Se você é super-ocupado, pode usar apenas cinco minutos durante diferentes partes do dia para subir e descer as escadas, por exemplo.

 

4) Mantenha um bloco de notas perto da cama para anotar todas as idéias que surgem em sua mente assim que você começa a cair no sono, disse Hanna. Quando você está relaxado, seu cérebro tende a vir para cima com as suas melhores idéias.

 

5) Seja claro e consistente nas suas horas de vigília, afirma Dr. Jose Colon, fundador do “Paraíso do Sono” e autor de “A Dieta do sono, uma nova abordagem para a insônia”. Pessoas com insônia podem tentar compensar o sono perdido tirando sonecas ou dormindo nos fins de semana, o que pode arruinar a sua capacidade para ter um sono saudável.

 

6) Certifique-se de manter uma dieta saudável para ajudar a estabilizar os níveis de açúcar no sangue e evitar o consumo excessivo de carboidratos tarde da noite, aconselha Dr. Barry Sears, autor de “A Zona do Mediterrâneo.”

 

7) Não utilize o seu quarto e cama para actividades diurnas, como jogos ou trabalho, adverte Lisa Bahar, um conselheiro profissional clínico licenciado.

 

8) Evite beber álcool à noite, disse Bahar. O consumo de álcool não promove um sono reparador, embora possa parecer à primeira vista para acalmar os nervos.

 

9) Acorde e vá dormir à mesma hora todos os dias, inclusive nos fins de semana, para que o corpo tenha em uma rotina diária, recomenda a Dra. Jennifer Caudle, professora assistente na Faculdade de Medicina Osteopática da Universidade de Rowan.

 

10) Verifique se o seu quarto tem condições ideais para dormir, disse Caudle. Por exemplo, manter a temperatura ambiente fresco e escuro ou com baixa iluminação. Tenha um colchão e travesseiros que são confortáveis na medida do possível. Você também pode colocar cortinas black-out para bloquear qualquer luz indesejada.

 

Fonte: EmpowHER
Autora: Rheyanne Weaver

Planejando uma Cirurgia Plástica: 12 perguntas para se fazer antes do procedimento

A cirurgia plástica é indicada para você? Responder a esta pergunta requer reflexão e análise dos candidatos a um procedimento.

 

As perguntas a seguir, listadas pelo Smart Beauty Guide, o ajudarão a determinar se você está pronto para a cirurgia plástica:

 

1) Estou fisicamente saudável, me alimento direito e não fumo?

 

2) Estou preparado para fazer mudanças de estilo de vida necessárias, tais como parar de fumar, a fim de me submeter a uma cirurgia?

 

3) Eu tenho expectativas realistas para os resultados do meu procedimento?

 

4) Estou considerando a cirurgia plástica para mim, por motivos pessoais, ou apenas para satisfazer os ideais e as expectativas de outra pessoa?

 

5) Eu passei o tempo necessário testando meus conhecimentos sobre a cirurgia plástica e checando as qualificações dos cirurgiões plásticos?

 

6) Eu disse claramente ao meu cirurgião plástico sobre minhas condições médicas, alergias a medicamentos e outros tratamentos médicos (incluindo os que envolvem agentes de enchimento, formação facial e toxina botulínica)?

 

236

 

7) Eu falei com o cirurgião plástico sobre o meu uso atual de medicamentos, vitaminas, suplementos à base de plantas, álcool e drogas?

 

8) Estou pronto para fazer a minha parte para garantir o sucesso do procedimento?

 

9) Eu conheço os efeitos pós-operatórios e o tempo de recuperação?

 

10) Eu tenho um adulto responsável para cuidar de mim por pelo menos 24 horas (ou enquanto recomendado) após meu procedimento?

 

11) Todas as minhas perguntas foram exaustivamente abordadas e esclarecidas pelo meu cirurgião plástico?

 

12) Eu li, compreendi e assinei os documentos de consentimento informado para o meu processo?

 

Fonte: Smart Beauty Guide (em inglês)

Crédito da foto: Colin Kinner (via Flickr / CC BY 2.0)

Back to Top